Por Viviane Ávila | 10 janeiro 2018

A Procuradoria Geral do Estado do Tocantins (PGE-TO) está com inscrições abertas de concurso par advogados interessados em seguir carreira de Procurador do Estado. Com um total de 40 vagas, 20 são para início imediato e 20 para formação de cadastro reserva de pessoal. A remuneração mensal inicial é de R$ 26.125,17.

Para concorrer, é necessário possuir diploma de bacharel em Direito expedido por instituição de ensino oficial ou devidamente reconhecida. O edital do concurso da PGE-TO apresenta que as atribuições básicas do cargo, privativo de advogado, estão previstas no art. 132 da Constituição Federal, na Constituição Estadual, bem como na Lei Complementar nº 20/1999 e alterações.

As inscrições já estão abertas. Vão até 31 de janeiro, podem ser feitas pelo site da Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br) e custam uma taxa de R$ 250.

Etapas do concurso

A seleção terá prova objetiva, teste discursivo e análise de títulos. Primeira fase, a prova objetiva terá 100 questões, sendo 15 de direito constitucional, 15 de direito administrativo, dez de direito civil, 15 de direito processual civil, cinco de direito penal, cinco de direito processual penal, dez de direito financeiro e tributário, cinco de direito do trabalho, cinco de direito processual do trabalho e 15 de direitos difusos, coletivos e individuais homogêneos; já o exame discursivo consistirá em uma peça processual e em quatro questões discursivas.

O exame objetivo acontecerá na cidade de Palmas no dia 4 de março, no período da manhã, em locais e horários a serem divulgados pela banca organizadora.

 

 

Viviane Ávila
é editora online de o Amarelinho, jornalista multimídia há mais de 15 anos, em impresso, online e audiovisual e em comunicação corporativa.